Natal em casa ou Plano A

O ano passado no dia de Natal, declaramos abertamente a toda a nossa família que no ano seguinte o Natal seria em nossa casa. Tínhamos acabado de a comprar (mudámo-nos, aliás, no dia 23 de Dezembro) e tinha (tem) finalmente condições para receber as vinte e tal pessoas que somos. 

Escapou-nos no entanto um detalhe: desconhecimento de que no Natal seguinte eu estaria grávida de 38 semanas.

Começamos por isso a pensar que talvez fosse melhor adiar mais um ano receber toda a família num dia que adoramos mas que, reconhecemos todos, dá bastante trabalho, porque se calhar uma super grávida todo um dia de volta da cozinha, mesas, preparativos não seria assim o plano mais genial de sempre.

Até que no fim-de-semana discutimos finalmente o tema e concluímos que temos realmente muito gosto em ter cá toda  agente e que por isso - tchanananan! - o Natal vai mesmo ser em nossa casa!

Somos 23 pessoas e eu tenho planos de mesas maravilhosas, com toalhas lindas e centros perfeitos, mais mesa de sobremesas e lareira acesa, com música de fundo. 

Tenho também Plano B caso a cria mais pequena se decida a vir conhecer o mundo mais cedo ou eu já não esteja mesmo em condições. Mas enquanto puder (e a minha filha deixar!) vou sonhar com o dia! 


1 Coisas dos outros