Vou falar antes do tempo (mas espero que não faça mal)

Andamos bastante tempo às voltas com quem nos faria as obras em casa. Não há nada de muito significativo; apenas uma vista geral e umas paredes abaixo, mais pinturas, chão, essas coisas. Não é uma obra de monta mas para nós é a obra de remodelação mais importante de sempre.

Pedimos três orçamentos a três pessoas / empresas diferentes e adoramos desde o primeiro minuto a empresa que acabamos por escolher. Foi de um grande profissionalismo no tratamento de tudo e acabamos por adjudicar. Falamos com bastante frequência, nós vamos acrescentando "já agora's" às obras e somos imensamente bem tratados. É difícil dizer isto de empreiteiros (não se zanguem) mas sentimos que podemos confiar nesta empresa. Em especial, os contactos são feitos com a arquitecta, que é bastante disponível, dá ideias, propõe coisas e tem corrido tudo muito bem. Ainda não nos zangamos, ainda não tivemos atrasos. Verdade que as obras ainda não acabaram, mas pelo andar da carruagem, parece-nos que chegaremos a bom porto. A data inicial de entrega era dia 5 de Dezembro, embora nos tenha dito que possivelmente será antecipado. Está quase !

Uma das coisas que me disse no dia em que entregamos a casa para o início das obras - e em tom de brincadeira, naturalmente - foi que só podíamos lá voltar no fim, para o efeito surpresa. Contávamos ter acompanhado de perto, com idas pessoais todos os dias, mas o P. esteve fora o tempo quase todo e eu acabei também por não ir. Conclusão: fomos uma vez a nossa casa e não chegamos a entrar na parte que está a ser intervencionada porque estavam a trabalhar. Ou seja, entregamos a casa e vamos só vê-la no fim, seja o que Deus quiser!

Hoje a arquitecta ligou-me para confirmar uns detalhes da caixilharia e dizia-me que o chão estava lindo, a sala cheia de luz, as paredes quase prontas, que iria notar uma diferença enorme quando lá fosse. Estou em pulgas, daquelas bem saltitantes que não nos deixam sossegar. Quero ver tudo ontem! Encher a casa de nós e ir para lá viver já.

Não vou dizer que não há sempre um bichinho presente que me diz que isto ainda pode correr tudo mal; as obras atrasarem, não gostarmos do resultado, ficar um trabalho mal feito ou - pior do que tudo o resto junto - não gostarmos da nossa casa, não nos adaptarmos ali. Tento calar este bichinho mas ele vai sussurrando de vez em quando para não me esquecer dele. É o meu lado pessimista que me diz tantas, tantas vezes que quando corre tudo tão bem é porque estará algo de mal para acontecer (isto precisa de um post exclusivo, qualquer dia destes).

Fora isso, e falando claramente antes do tempo, esperando no entanto que isso não faça mal, querida empresa, estás aprovada!

1 Coisas dos outros

  1. Esquece o lado pessimista! De certeza que as pessoas que escolheram serão capazes de pôr o vosso sonho em prática :)

    ResponderEliminar