10 meses

A minha filha está oficialmente no mundo há mais tempo do que esteve no planeta mãe.

Em primeiro lugar, não faço ideia para onde foi o tempo. Como assim já passaram dez meses?
Depois, estou francamente incrédula por faltarem apenas dois míseros meses para fazer um ano.
Oi? Alguém se enganou a contar, certo?

Às vezes ainda sinto algumas saudades de a ter na barriga, onde estava sempre protegida, não se magoava, não ficava doente. E digo-lhe que a vou fazer em pecinha de sushi pequena e voltar a pô-la lá dentro, bem enroladinha para caber.

Mas depois, vê-la crescer é das melhores coisas da vida. Enchê-la de beijos também. O cheirinho a bebé C., as gargalhadas, os "tá tá"'s quando encontra o que estava à procura, os mimos à mamã.. Talvez possa concordar que tê-la no mundo é melhor que na barriga. Mas se pudéssemos só fazer pause ao tempo por um bocadinho, agradecia!

1 Coisas dos outros

  1. A minha fará, lá para os finais de Agosto, 14 meses e penso eu exatamente o mesmo. Como é possível que o tempo tenha passado tão rápido?

    ResponderEliminar